Debea aumenta oferta de atendimento veterinário em 10%

Publicada em 15/02/2018 às 16:41

Atendimento veterinário no DEBEA é realizado para cães e gatos de munícipes cadastrados

O Departamento de Bem Estar Animal (Debea) ligado à Unidade de Gestão de Planejamento e Meio Ambiente (UGPUMA) realizou, no ano passado, 10% a mais de atendimentos veterinários em relação ao praticado no ano anterior. Com 1,6 mil animais examinados e tratados, o trabalho é elogiado pelos proprietários de animais de estimação que buscam pelas consultas gratuitas.

Neguinho é um cachorro de porte grande, com 10 anos de idade, sete deles vividos com Tiago Luiz Vitorino. O cão já passa por atendimento no Debea há tempos. “O primeiro atendimento aqui foi quando eu adotei o Neguinho. Ele vivia pela rua. Um dia, ele apareceu com uma facada no peito. Trouxe aqui, passou pelo atendimento, recebeu curativo e hoje é esse garotão, meu companheiro”, conta o proprietário, que na manhã de quinta-feira (15) havia levado o animal de estimação para verificar um problema existente na orelha esquerda do cão. Neguinho também foi castrado no órgão municipal.

LEIA TAMBÉM
Debea amplia atendimento e melhora estrutura para cães e gatos

“Aqui o tratamento é muito bom. O pessoal técnico tem todo o cuidado e carinho com os nossos animais. Tenho mais dois cachorros. Um deles que foi adotado pelo Debea. Se um dia precisar de atendimento veterinário, será aqui que virei buscar”, conta.

O proprietário do Neguinho é apenas um dos 1,6 mil munícipes que tiveram os animais atendidos pelo Debea no ano passado. O volume é 10% maior que o praticado em 2016. Além das consultas, 2.042 exames foram realizados nos animais. “O atendimento, conforme Decreto 25.639/2015, é realizado diariamente, com distribuição de 10 senhas, por dia, para animais de munícipes cadastrados. Esse cadastro é feito a partir da apresentação de documentos de identificação do proprietário do animal, comprovante de residência e comprovante de renda, limitado a até dois salários mínimos”, detalha a diretora do Debea, Alessandra Benedetti Ferreira.  O atendimento também é prestado para Organizações Não Governamentais e protetores de animais. Ambos também precisam de cadastro.

Serviços
Além do atendimento veterinário e exames, o Debea também realiza castrações de cães e gatos, a partir da solicitação realizada pelo 156. A a meta neste ano é ampliar, no mínimo em 33% o número de castrações. Ainda é realizado trabalho de educação sobre guarda responsável desenvolvido em multiplataforma (UGPUMA e a Unidade de Gestão de Educação), nas escolas municipais desde o ano passado, o projeto compreende três aulas educativas – promovidas por uma educadora concursada da administração pública, voluntário protetor de animais silvestres e uma veterinária –, com duração de 60 minutos cada. Somente no ano passado foram realizadas atividades em oito unidades escolares, com mais de 1,1 mil alunos atendidos.

O Debea passa por reforma do espaço para melhoria na qualidade das instalações para atender cães e gatos, incluindo a adequação do centro cirúrgico do prédio.

Assessoria de Imprensa
Foto: Fotógrafos PMJ


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2018/02/15/debea-aumenta-oferta-de-atendimento-veterinario-em-10/