Em observância ao período eleitoral, este canal mantém estático conteúdos anteriores à data 15/08, sendo atualizado somente por matérias relacionadas ao combate à Covid-19, ou de urgência social.

Instalação de ar-condicionado conclui melhorias no Polytheama

Publicada em 17/07/2020 às 16:15

Após período de adequação de projeto e preparo de estrutura, está em execução a obra de instalação de ar condicionado no Teatro Polytheama pela empresa vencedora do processo de contratação. As obras, uma antiga demanda da classe artística e da população, concluem uma série de melhorias no teatro centenário, pensando em questões como segurança, bem-estar e preservação do patrimônio. Somente para esta obra, a Prefeitura investe cerca de R$ 1,2 milhão, pelo programa Avança Jundiaí.

Desde o ano passado, diversas melhorias têm sido realizadas no Polytheama, como a aplicação de verniz antichamas e ajustes no palco. Para o gestor da Unidade de Gestão de Cultura (UGC), Marcelo Peroni, obras devem elevar a qualidade dos espetáculos. “Chegamos à fase final de uma série de melhorias no Teatro, que é um bem municipal tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephaat). Por essa razão, tivemos os cuidados necessários ao executar melhorias há tempos solicitadas pela sociedade, como é o caso da instalação do ar condicionado, que terá reflexos na experiência do público e na qualidade da performance dos artistas”, comemora o gestor.

Antes do início da instalação do ar propriamente dita, foram necessárias outras intervenções preliminares, como as elaborações do projeto elétrico, de laudo técnico sobre a laje e de projeto para distribuição de carga, além da fixação dos condensadores, aquisição de ferragens para reforço da estrutura, aluguel de andaimes e mão de obra para execução de alteração da cabine de alta tensão e instalações. Nesta fase preparatória foram investidos pouco mais de R$ 216 mil.

Somente para esta obra, a Prefeitura investe cerca de R$ 1,2 milhão, pelo programa Avança Jundiaí

Para o diretor do Departamento de Teatros, Wagner Nacarato, a obra é uma conquista do teatro. “A instalação do ar coloca o Polytheama em um novo status. Trata-se de uma conquista, resultado do olhar e valorização da administração municipal e dos esforços da equipe da UGC. Infelizmente eram muitas as histórias de pessoas que saíam no meio do espetáculo por conta do calor no verão, período em que havia mais espetáculos, assim como os relatos de artistas que se apresentavam aqui, mas acabavam não voltando por causa dessas condições”.

O engenheiro Júlio Félix tem duas filhas bailarinas, a Ana Lia, 17 anos, e a Alice, de 12. Segundo ele, “pés-de-valsa” como o pai, e com trajetórias completamente ligadas à história do teatro. “Minhas filhas têm um prazer enorme em se apresentar naquele palco, e nós, que também somos pais apaixonados pela arte, acompanhávamos as meninas e sentíamos o calor que fazia nas coxias. O ar condicionado será bom para o público e para o teatro”, comemora o pai orgulhoso.

Para a atriz Rosângela Torrezin, titular da câmara setorial de Teatro do Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC), novidade irá mudar a forma de trabalho e experiência do público no teatro. “Me apresento no Polytheama desde a sua reabertura e o espaço, por sua dimensão, merecia e precisava de algo além do sistema de ventilação de que dispunha. O ar condicionado contribuirá não só para o público e para os artistas, mas fará muita diferença no desempenho dos equipamentos de som e luz e na conservação do espaço. Com certeza, o Polytheama passará a ser visto com outros olhos pelos jundiaienses e com as pessoas de fora que vierem para cá”.

O teatro passa também por pintura interna. Já os banheiros, tanto os de acesso público quanto os dos camarins, também passam por obras, com a instalação de azulejos nas paredes, algo previsto desde o seu projeto original.

 

Ana Lia e a Alice têm trajetórias completamente ligadas à história do teatro Polytheama

Mais melhorias
O Teatro contou ainda com outras intervenções além da aplicação de verniz antichamas no madeiramento, cortinas, ligas metálicas do palco, estrutura geral e nos camarins. A partir do segundo semestre do ano passado, com cerca de R$ 120 mil em investimentos, foram realizados: adequações do palco (troca da vestimenta cênica e inclusão da quarta coxia para adequação de rotunda, conforme padrão internacional), troca de vidros da marquise, pinturas em geral, novos bebedouros, manutenção elétrica (geral, na cabine de ventilação, mesa de luz e na mesa de comando), desinsetização geral e limpeza da caixa d’água.

Fundado em 1911, o Polytheama de Jundiaí é um dos poucos teatros centenários do País ainda em atividade. Adquirido pela Prefeitura na década de 1980, após período em que esteve fechado e abandonado, o espaço foi reinaugurado em 1996, com projeto de Lina Bo Bardi, a mesma renomada arquiteta ítalo-brasileira que projetou o MASP (Museu de Arte de São Paulo). Além dos espetáculos que hospeda, o Polytheama é também a casa da Orquestra Municipal de Jundiaí (OMJ), da Cia. de Teatro de Jundiaí e da Cia. Jovem de Dança, três dos corpos artísticos municipais.

Assessoria de Imprensa
Fotos: Fotógrafos PMJ e Divulgação


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2020/07/17/instalacao-de-ar-condicionado-conclui-melhorias-no-polytheama/

Galeria

Baixe as fotos desta notícia na resolução original