Projeto inédito da Educação estreita diálogo com servidores

Publicada em 24/04/2013 às 18:27

A Secretaria Municipal de Educação lança um novo canal de comunicação com os servidores da pasta. Chamado de “Papo Escola”, o projeto-piloto vai reunir, no mínimo a cada três meses, cerca de 500 representantes entre professores, diretores, agentes administrativos, cozinheiros, agentes de desenvolvimento infantil, agentes operacionais e demais funcionários da Educação para reuniões onde serão trocadas informações e experiências. É a primeira vez que isso acontece na secretaria. Os encontros começam no início de maio.

Mais
Leitura diferente diverte público na Biblioteca

“Será um espaço democrático”, diz o secretário Durval Orlato

“Será um espaço democrático”, diz o secretário Durval Orlato

“Atualmente, temos em torno de 3,9 mil servidores, sendo que mais de 2 mil são professores. Queremos ampliar o diálogo com todos. Vamos debater nessas reuniões os variados assuntos que fazem parte do dia a dia da Educação. Será um espaço democrático e os participantes serão os multiplicadores das informações e do bate-papo para toda a categoria”, explica o secretário de Educação, vice-prefeito Durval Orlato.

Ao todo, serão constituídos três blocos de representação. O bloco A será composto por professores; o bloco B por dirigentes (diretores, coordenadores pedagógicos e assistentes de direção); e o bloco C terá os agentes administrativos, agentes operacionais, cozinheiros, agentes de desenvolvimento infantil e demais servidores do Complexo Argos.

“Todos podem se inscrever e haverá votação nas unidades escolares e na Argos para a definição dos participantes. Posteriormente, em fevereiro de cada ano, outros nomes serão escolhidos”, destaca Orlato.

De acordo com as normas publicadas na edição da Imprensa Oficial de terça-feira (23), o bloco A terá 242 representantes: dois de cada Emeb e, no caso escolas com mais de 550 alunos, mais dois professores poderão ser escolhidos; o B contará com 110 membros; e o C terá 136 integrantes.

Agenda
As primeiras reuniões já estão marcadas para o próximo dia 6 (segunda-feira), no auditório Elis Regina, no Complexo Argos. No período da manhã, entre 9h30 e 11h, o secretário de Educação receberá os integrantes do bloco B. À tarde, das 15h30 às 17h, será a vez dos membros do grupo C.

Já no dia 8 (quarta-feira), o “Papo Escola” será realizado com a equipe dos professores. As reuniões ocorrerão em dois horários, das 9h30 às 11h e das 14h30 às 16h.

“No início do ano, nós assumimos o compromisso de que seríamos uma gestão aberta e é isso que estamos fazendo ao lançar este projeto. Temos boas expectativas”, acrescenta Orlato.

Por Roberta de Sá
Fotos: Dorival Pinheiro Filho


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2013/04/24/projeto-inedito-da-educacao-estreita-dialogo-com-servidores/