Em observância ao período eleitoral, este canal mantém estático conteúdos anteriores à data 15/08, sendo atualizado somente por matérias relacionadas ao combate à Covid-19, ou de urgência social.

Bilhete Único inova a mobilidade em Jundiaí

Publicada em 24/09/2014 às 12:41

Em 1h30 será possível se deslocar de um ônibus para outro, pagando uma única tarifa e sem a necessidade de passar pelos terminais. Essa é a novidade do Bilhete Único, lançado pelo prefeito Pedro Bigardi, no Paço Municipal, na manhã desta quarta-feira (24). O sistema, que unifica o acesso dos ônibus em Jundiaí, faz parte do Programa de Metas do atual governo.

“Essa é uma novidade histórica na cidade. O Bilhete Único ameniza os problemas de mobilidade para quem usa transporte público, proporcionando economia, integração e agilidade”, comemora o prefeito.

CONFIRA AS FOTOS DO LANÇAMENTO DO BILHETE ÚNICO

LEIA TAMBÉM
Todos os caminhos levam à Feira da Amizade 2014
Mudanças melhoram trânsito na região da Colônia no domingo (28)

Prefeito lançou o Bilhete Único: ação pela mobilidade

Prefeito lançou o Bilhete Único: ação pela mobilidade

Com uma única tarifa o usuário pode acessar qualquer linha, dentro do período determinado, sem a necessidade de ter de se deslocar até os terminais para fazer essa mudança. Desde 2013, inclusive, a passagem de ônibus foi mantida a R$ 3 por determinação do prefeito Pedro Bigardi.

No evento, o prefeito aproveitou para ressaltar outras melhorias na mobilidade da cidade. “No início de 2015 concluiremos o plano de pavimentação nos trajetos de terra que passam transporte coletivo. Os acesso no Rio Acima, a Estrada da Boiada e a Daniel Pelizzari já foram asfaltadas”.

Além disso, a Prefeitura de Jundiaí vai iniciar em 2015 a construção do primeiro trecho do BRT (trânsito rápido por ônibus). Serão investidos R$ 125,1 milhões nesta obra, sendo R$ 106,6 milhões de recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), do Governo Federal, e R$ 18,5 milhões de contrapartida do município.

O primeiro trecho do BRT, de 4,15 quilômetros, ligará o Terminal Colônia (na região Leste da cidade) ao Centro, em terminal específico para o sistema que será construído na região da avenida União dos Ferroviários.

No trecho estão previstas cinco paradas de ônibus (estações de embarque/desembarque) e outras duas de transferência. “Essa vai ser a segunda grande mudança do conceito de mobilidade na cidade”, afirma o prefeito.

Para o secretário de Transportes, Wilson Folgozi, as iniciativas democratizam o uso do transporte público na cidade. Sobre o Bilhete Único, ele ressaltou: “A integração com uma só tarifa, proporciona mais segurança e rapidez ao usuário”.

Quem já tem o cartão do sistema SIM não precisa se preocupar, pois ele vai funcionar com as vantagens do Bilhete Único. O que muda nesse processo é apenas a informação que está no validador dentro dos ônibus”, explica Folgozi.

Participaram também da solenidade no Paço Municipal o vice-prefeito Durval Orlato, secretário de Educação; Alan Piccolo, secretário de Obras; Mary Marinho, secretária de Recursos Humanos; Marcos Brunholi, secretário de Agricultura, Abastecimento e Turismo; Rita Marchiori, secretária de Assistência e Desenvolvimento Social (Semads); André Barros, secretário de Comunicação Social; Cristiano Guimarães, secretário-chefe de Gabinete; Marcelo Lo Mônaco, presidente da Escola de Governo e Gestão do Município; além de diretores e coordenadores da Prefeitura. Pela Câmara Municipal, compareceram os vereadores José Dias, Marilena Negro, Rafael Antonucci e Márcio Pentecostes.

Prefeito foi acompanhado por secretários, dentre eles, o vice- Prefeito Durval Orlato, no trajeto do ônibus

Prefeito foi acompanhado por secretários, dentre eles, o vice- Prefeito Durval Orlato, no trajeto do ônibus

O sistema
O cadastramento para ter o Bilhete Único não tem custo e prazo para encerrar, podendo ser feito através do site.

Ao acessar, a pessoa precisa preencher dados como nome completo, data de nascimento, nomes do pai e da mãe, CPF, RG, endereço residencial com CEP e e-mail. O sistema solicitará a criação de uma senha, que será utilizada todas as vezes que a pessoa acessar seu cadastro para controlar seus créditos no cartão, além de outros serviços.

“Os usuários esporádicos que comprarem o bilhete no terminal, sem o cartão com sistema SIM, receberão um ‘cartão terminal’, não podendo fazer a integração com apenas uma passagem. Portanto, é importante destacar que, mesmo para o usuário que não usa frequentemente o ônibus é interessante se cadastrar no Bilhete Único, gratuitamente”, completa o secretário.

O usuário pode recarregar o cartão via internet, também pelo site do Bilhete Único, e fazer o pagamento por meio de boleto. A recarga será efetuada dentro de qualquer ônibus do SITU. Outros recursos de instrução e orientação ao uso do novo sistema estarão disponíveis nos próximos dias.

“Uma cartilha com perguntas e respostas mais frequentes estará no site do Bilhete Único. Além disso, um aplicativo chamado ‘B.U Fácil’ será lançado para que o usuário acesse, do celular ou do próprio site, e visualize os 115 pontos de embarque e desembarque, e quais linhas passam pelo destino desejado”, completa o secretário

Atualmente 50 mil pessoas utilizam, frequentemente, ônibus para se locomover. Cerca de 1,8 mil novos usuários já se cadastraram, além de 200 pessoas com deficiência.

Luiza Ronchi
Fotos: Paulo Grégio

Assista á reportagem da TVE Jundiaí


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2014/09/24/bilhete-unico-inova-a-mobilidade-em-jundiai/
Leia mais sobre ,