Em observância ao período eleitoral, este canal mantém estático conteúdos anteriores à data 15/08, sendo atualizado somente por matérias relacionadas ao combate à Covid-19, ou de urgência social.

Semana do Meio Ambiente deixa legado simbólico

Publicada em 13/06/2016 às 16:49

A adesão nos eventos voltados tanto ao público em geral quanto aos servidores públicos, além da qualidade e diversidade de conteúdos dos eventos, formam o principal legado da Semana do Meio Ambiente 2016, articulada pela Prefeitura de Jundiaí em parceria com outras instituições.

LEIA TAMBÉM
Projeto Nascentes avança em seus trabalhos prévios

Oficina de mudas contou com servidores públicos de diversas áreas

Oficina de mudas contou com servidores públicos de diversas áreas

Durante o fim de semana, quase quarenta integrantes da Prefeitura de Jundiaí estiveram na oficina de mudas de plantas medicinais e aromáticas, no sábado (11) no Jardim Botânico. Essa resposta espontânea foi percebida também com a adesão de dezenas de inscritos nos diversos eventos voltados a educadores nos dias 4 e 8 de junho.

“Essa resposta mostra que toda a estrutura administrativa conta cada vez mais com servidores preocupados com o meio ambiente e a sustentabilidade como com a cidade”, afirmou a secretária de Gestão de Pessoas, Mary Fornari Marinho, lembrando que Jundiaí destaca-se no Estado de São Paulo com o sexto lugar no ranking do Município Verde e Azul.

As atividades voltadas para o público em geral também foram marcadas pela qualidade. No domingo (12), ocorrem ato de limpeza anual do rio Jundiaí-Mirim, organizado pela escola Jornada Sub, a dança circular para a Terra no Jardim Botânico, organizada por professores especializados, e a palestra sobre plantas alimentícias não convencionais, organizado pelo Sesc Jundiaí.

“A marca deste ano foi a intersetorialidade, com a cooperação de diversos setores da administração, e a interinstitucionalidade na parceria com outros atores da comunidade. Mas um ponto diferencial pode ser visto na parte filosófica, com atividades como yoga, palestras sobre filosofias e atividades práticas”, afirma o diretor da Secretaria de Planejamento e Meio Ambiente, Marcelo Pilon.

Novas atividades
No sábado (18) e domingo (19) ainda vai ocorrer uma atividade adiada pelo clima no início da programação, que é o “Pedalão Solidário”, das 11h às 17h no Jardim Botânico. Com 100 vagas por dia.

A programação contou também com uma edição especial de artesanato com reciclados do programa Jundiaí Feito à Mão na feira “Arte Eco”, oficinas sobre Hortas Urbanas em Pequenos Espaços, uma conversa sobre Agricultura Orgânica, um evento da Ecologia do Ser com yoga e caminhada consciente, workshop sobre acessibilidade em unidades de conservação, oficinas de jardinagem, sessão de curtas para servidores (com “A Maior Flor do Mundo” e “Man”), palestras sobre Bem Viver e Ecologia do Ser.

Participaram a Secretaria de Planejamento e Meio Ambiente, a Secretaria de Serviços Públicos, a Secretaria de Gestão de Pessoas, a Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Turismo e Coordenadoria dos Direitos das Pessoas com Deficiência, Jardim Botânico e Unidam, além do Sesc Jundiaí, Fundação Serra do Japi, Instituto Ad Lúmen, Bionathus, Umpratodos, ArboreSer, Jundiaí Orgânicos, DAE, Polícia Ambiental do Estado, Guarda Municipal e Corpo de Bombeiros e Jornada Sub (Naui).

Dança pela Terra marcou finalização de atividades abertas ao público

Dança pela Terra marcou finalização de atividades abertas ao público

Assessoria de Imprensa
Fotos: Reprodução


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2016/06/13/semana-do-meio-ambiente-2016-deixa-legado-simbolico-para-jundiai/

Galeria

Baixe as fotos desta notícia na resolução original