Cemitério do Desterro passa por nova dedetização

Publicada em 13/03/2018 às 16:50

Medidas reforçadas para o combate aos escorpiões também devem ser adotadas pela população

Uma nova ação de dedetização do Cemitério Nossa Senhora do Desterro foi realizada nesta terça (13), desta vez, voltada especificamente para o combate aos escorpiões. Programada para a última semana, a aplicação extra do veneno Lambda-Cialotrina numa dosagem mais reforçada teve de ser adiada por conta da previsão de chuvas, que poderiam afetar na eficácia do produto.

A Prefeitura de Jundiaí, por meio da Fundação Municipal de Ação Social (FUMAS), responsável pelo Serviço Funerário Municipal, e do Centro de Controle de Zoonoses, desenvolveu um Plano de Ação para controle dos escorpiões, que inclui, além do reforço e ampliação da área a ser dedetizada (como por exemplo, a área externa dos muros do cemitério), a contratação de um serviço de captura manual do animal, a ser agendado para os próximos dias no período noturno.

Além do cemitério do Desterro, o Montenegro também será dedetizado ainda nesta semana. “Tomamos o cuidado de realizar mais dedetizações do que o mínimo recomendado pela Vigilância Sanitária, que sugere que a aplicação de veneno em locais como cemitérios deve ocorrer a cada 6 meses. No Desterro, dedetizamos a cada dois meses, e no Montenegro, a cada três”, pontua o diretor do Serviço Funerário Municipal, Silvio Ermani.

Apoio da população

“Estamos fazendo uma varredura onde existam concentração de materiais que possam servir de abrigo aos escorpiões e também estamos pedindo aos nossos concessionários que verifiquem se as sepulturas de suas famílias possuem rachaduras ou frestas que representem uma oportunidade de esconderijo para esses animais”, destaca o diretor, lembrando que a participação da população é essencial para o sucesso da ação.

LEIA TAMBÉM
Projeto autoriza regularização de sepulturas

Para Silvio, o canal 156 é o meio que pode ser utilizado pela população para denunciar quem estiver depositando entulho no entorno do cemitério. “Precisamos do envolvimento e da colaboração de todos, especialmente, da vizinhança que mora próximo ao cemitério do Desterro. Estamos intensificando os trabalhos para acabar com os focos, mas é fundamental que se evite depositar entulhos nas calçadas ao lado do muro, pois pode representar novos locais de abrigo para os escorpiões”.

Assessoria de Imprensa – FUMAS
Fotos: Fotógrafos PMJ


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2018/03/13/cemiterio-do-desterro-passa-por-nova-dedetizacao/