Curso de jardinagem é solo fértil para novos caminhos profissionais

Publicada em 14/03/2019 às 17:41
Salvador durante aula no Jardim Botânico

Salvador: conhecimento auxiliará na economia da família

O contato com a terra existe desde a infância, quando plantava alface com a família, no bairro Jundiaí-Mirim. Mas, foi no curso de jardinagem que Gabriel José Aires Manuel, de 18 anos, aprendeu o ofício que tanto almejava: o cuidado com plantas. “O máximo que sabia fazer era roçar o mato e preparar a terra. Mas, as flores são mais delicadas e precisam de um tratamento diferente”, explicou. Com conhecimento adquirido, o jovem comemorava o primeiro trabalho como jardineiro, recém acordado com um cliente: “Estava na aula quando recebi a ligação de um conhecido que soube que eu estava no curso. Já coloquei preço no meu trabalho e agendamos a data”.

Quem também está feliz com a nova opção de trabalho é o Salvador da Silva, de 51 anos. O fundidor de louças sanitárias aposentado já fez cursos gratuitos de Violão e Elétrica, no Fundo Social, mas encontrou nos jardins a oportunidade de enxugar o orçamento da família: “Assumi o conselho de jardinagem do meu condomínio e com esta atribuição terei desconto no valor mensal de manutenção. Além disso, trata-se de uma grande oportunidade de me ocupar e fazer algo produtivo”.

Já a Silvia Nascimento dos Santos decidiu colocar a mão na terra por incentivo das filhas. Com o aprendizado, o foco da dona de casa será o cuidado com a chácara, comprada pela família há cinco anos. “Meu marido e eu preparamos a terra com esterco das galinhas que criamos, mas não entendia o motivo das minhas flores não produzirem tanto. Aqui, descobri que eu exagerava na quantidade de terra, sufocando as mudas”. Entre as espécies preferidas estão as azaleias, as suculentas e as orquídeas. “Natureza é minha vida e, por isso, me sinto em casa a cada ensinamento. Não vejo a hora de ver o meu jardim lindo, florido e bem cuidado”.

Aluna durante aula de jardinagem

Curso de jardinagem ensinou técnicas de plantio e conservação

O curso de Jardinagem Básica foi realizado gratuitamente pelo Fundo Social de Solidariedade (Funss), em parceria com a Unidade de Gestão de Infraestrutura e Serviços Públicos (UGISP), da Prefeitura de Jundiaí. De acordo com a técnica agrícola do Jardim Botânico e professora, Luciana Moraes, o módulo uniu educação ambiental, a partir da história dos jardins no mundo e o início do cultivo no Brasil, aos conhecimentos práticos, como as técnicas de irrigação, plantio, poda e conservação, bem como preparação de solo, adequação de sombra e separação de resíduos: “Nosso objetivo é preparar o aluno que deseja dar um novo formato ao jardim de casa ou até tentar um novo trabalho”, explicou.

O módulo contou com aula teórica e visitas técnicas à Unidade de Desenvolvimento Ambiental (Unidam) e ao Jardim Botânico, onde foi realizado o plantio de mudas.

Assessoria de Imprensa
Foto: Fotógrafo PMJ


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2019/03/14/curso-de-jardinagem-e-solo-fertil-para-novos-caminhos-profissionais/