Procon Jundiaí divulga ranking de empresas com mais reclamações

Publicada em 16/03/2019 às 17:41

O Procon Jundiaí, em parceria com a Fundação Procon-SP, divulgou nesta sexta-feira (15) o Cadastro Estadual de Reclamações Fundamentadas, com os registros de reclamações finalizadas ao longo de todo o ano de 2018. Esse cadastro é publicado anualmente, em cumprimento a uma determinação do art. 44, do Código de Defesa do Consumidor, para que se dê ampla divulgação à população sobre as reclamações tratadas junto aos órgãos do Sistema Nacional do Consumidor.

Relação das principais empresas reclamadas no Procon Jundiaí

Em 2018, a empresa com maior volume de reclamações no Procon Jundiaí foi a Faculdade Anhanguera. Os relatos mais usuais dos consumidores são relativos a cobranças indevidas, negativações indevidas, não cumprimento de contrato, não fornecimento de documentos (diploma), divergências entre valores informados de bolsas e os efetivamente praticados, além de serviços mal executados. Entre as 10 empresas mais reclamadas, a faculdade é a que apresenta o menor índice de solução: somente 13% das reclamações foram atendidas.

O segundo maior volume de demandas foi da Sky, sendo que a maioria delas envolve a interrupção no oferecimento de canais a que antes tinham acesso. Também foram muitos os casos de reclamações relacionadas à campanha “Sky Livre”. “Em tratativas individuais e coletivas mantidas com a empresa, o órgão intermediou algumas propostas de acordo, a fim de minimizar os impactos ocasionados pela oferta e a mudança de tecnologia”, destaca a chefe do Procon Jundiaí, Gabriela Glinternik.

A Claro e a Vivo, que vêm em terceiro e quarto lugar, respectivamente, têm a maioria de suas queixas envolvendo cobranças indevidas, vícios de qualidade, questões contratuais (rescisão, descumprimento, erro etc.) “Basicamente, os consumidores ficam insatisfeitos por receberem ofertas de pacotes de serviços por um preço e qualidade e recebem entregas que, na visão deles, ficam bem abaixo das expectativas geradas pelas ofertas e pela publicidade dessas empresas”, aponta Gabriela.

Assuntos financeiros ocupam a 5ª posição, com o Bradesco aparecendo como a mais demandada dentre as instituições financeira. Dentro das 10 mais reclamadas, aparece a Caixa Econômica Federal, na 9ª posição.

Assessoria de Imprensa
Imagem: Divulgação


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2019/03/16/procon-jundiai-divulga-ranking-de-empresas-com-mais-reclamacoes/
Leia mais sobre