Em observância ao período eleitoral, este canal mantém estático conteúdos anteriores à data 15/08, sendo atualizado somente por matérias relacionadas ao combate à Covid-19, ou de urgência social.

Nova rua do São Camilo recebe última camada de asfalto

Publicada em 09/12/2019 às 15:50

A partir desta segunda-feira (9), a construtora Versátil, responsável pela realização da obra viária do Jardim São Camilo, inicia os trabalhos de aplicação da última camada de asfalto no prolongamento da Rua José Maria Whitaker e na rua nova, construída pela Prefeitura de Jundiaí para a interligação viária com o Jardim da Fonte.

Carros estacionados ao longo da nova rua do São Camilo devem ser retirados o quanto antes para que a última camada de asfalto possa ser aplicada

Sob responsabilidade da FUMAS, a obra de infraestrutura viária ligará as ruas Pedro Ravaiani, na parte baixa do bairro, à Ângelo Rivelli, no Jardim da Fonte, e foi construída no trecho que antes era ocupado por 400 famílias, hoje instaladas nos Residenciais Gênova e Roma. “A obra foi iniciada em meados de 2016 e é bastante complexa, especialmente por conta das dificuldades topográficas e geológicas do terreno”, lembrou a superintendente da FUMAS, Solange Marques. “Estamos muito felizes em poder entregar esta obra nos próximos dias e por saber que esta ação concluída pelo governo Luiz Fernando Machado trará uma maior mobilidade e facilitará bastante a vida dos moradores do São Camilo”, complementa.

Dentre os últimos acertos para a entrega da obra, está a aplicação da última camada de asfalto e pintura da sinalização viária, e, para isso, a colaboração da população local é de extrema importância. “Existem muitos carros estacionados ao longo da nova via e precisamos que eles sejam retirados o quanto antes. Estamos pedindo às lideranças locais e também falando com os moradores, mas é importante que todos tenham consciência de que isso é essencial para a conclusão da obra”, argumenta o diretor do Departamento de Obras e Projetos da FUMAS, Domingos Silva.

Passagem dos caminhões

Por se tratar de uma via com alguns trechos de curvas sinuosas, os carros estacionados também prejudicam a passagem de máquinas e demais caminhões que trabalham no local. “Se os carros permanecerem estacionados, podem, inclusive, ser danificados durante a aplicação do asfalto. Caso não sejam retirados, também correm o risco de serem guinchados e o custo da estadia no pátio e da liberação do veículo será repassado ao proprietário”, avisa o diretor, lembrando que a liberação da via para tráfego de veículos ocorrerá somente a partir do dia 20, após a entrega oficial do trecho à população.

Assessoria de Imprensa – FUMAS
Fotos: Divulgação


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2019/12/09/240839/

Galeria

Baixe as fotos desta notícia na resolução original