Em observância ao período eleitoral, este canal mantém estático conteúdos anteriores à data 15/08, sendo atualizado somente por matérias relacionadas ao combate à Covid-19, ou de urgência social.

Noites Frias: Operação já realizou mais de mil abordagens este ano

Publicada em 01/08/2020 às 10:03

A Unidade de Gestão de Assistência e Desenvolvimento Social (UGADS) realizou na noite dessa quinta-feira (30) a trigésima noite de ação neste ano pela Operação Noites Frias. Desde 07 de maio, quando a operação foi iniciada, foram realizadas mais de mil abordagens nas ruas da cidade (número que não indica pessoas diferentes abordadas, mas atendimentos individuais) em locais onde estatisticamente há maior concentração de pessoas em situação de rua.

Neste mesmo período, foram realizados 614 acolhimentos, de 295 pessoas distintas, seja no abrigo emergencial montado no Complexo Esportivo Jardim Ângela (vila Aparecida), seja na Casa de Passagem, local sob a tutela da Organização da Sociedade Civil (OSC) SOS, custeada pela Prefeitura. No total de 295 acolhidos, 13 foram de atendimentos para vagas femininas e transexuais, destinados ao SOS.

Com novo formato desde 2018, a Operação é realizada nas noites com previsão de temperatura inferior a 13°C, independente do mês. Este ano, a Operação leva em conta ainda os levantamentos de distanciamento seguro, a fim de evitar aglomerações e combater a propagação do Coronavírus.

Para as pessoas que recusam abrigamento, as equipes entregam cobertores, meias e máscaras.

Para todos os atendimentos, as equipes do Centro Pop e do Serviço Especial de Abordagem Social (SEAS) aplicam formulário para mapeamento dos casos e entregaram, este ano, 252 máscaras de pano, 753 cobertores e 317 meias. Para os abrigados, além, do pernoite, são ofertados kit de higiene e de roupas e alimentação, além de cuidados com a Saúde, já que uma enfermeira da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) faz o acompanhamento diário dos abrigados. Já para os que recusaram abrigo, são entregues cobertores, meias e máscaras.

Para a diretora do Departamento de Proteção Social Especial da UGADS, Ariane Rios, a nova realidade exigiu a criação de estratégias cada vez mais intersetoriais dentro do serviço. “Por conta da necessidade do isolamento social, a pandemia trouxe como resultado a adesão de mais pessoas para abrigamentos mais duradouros. Isso tem sido uma oportunidade para que desenvolvamos um trabalho interessante para a construção de um plano de saída das ruas junto aos usuários do serviço, que têm também refletido mais acerca de seus projetos para protagonismo em suas próprias vidas”.

A busca ativa da população em situação de rua é realizada diariamente, mas tem seu reforço durante as noites da Operação. No total, a Prefeitura compra, mensalmente, 102 vagas regulares de pernoites nas modalidades casa de passagem, abrigo e república em OSC do Município.

A porta de entrada para o atendimento à população em situação de rua e encaminhamento para os outros serviços da rede socioassistencial é o Centro Pop, que fica na rua Marechal Deodoro da Fonseca, 504, Centro. Sempre que alguém identificar uma pessoa pode orientá-la a buscar esse atendimento ou acionar ainda o serviço especializado de abordagem social pelo telefone (11) 98531-0146. Já em casos de identificada intoxicação ou ocorrências mais graves, o SAMU poderá ser acionado pelo telefone 192.

Durante as abordagens, as equipes realizaram a aferição da temperatura e aplicaram formulário para mapeamento dos usuários

Assessoria de Imprensa
Fotos: Fotógrafos PMJ


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2020/08/01/noites-frias-operacao-ja-realizou-mais-de-mil-abordagens-este-ano/

Galeria

Baixe as fotos desta notícia na resolução original