Em observância ao período eleitoral, este canal mantém estático conteúdos anteriores à data 15/08, sendo atualizado somente por matérias relacionadas ao combate à Covid-19, ou de urgência social.

Marcenaria Urbana tem novas oficinas na sexta (24) e no sábado (25)

Publicada em 21/07/2015 às 15:35

A experiência de participar do estudo e da montagem de mobiliário urbano, como bancos e mesas, iniciada em trabalhos anteriores na praça Governador Pedro de Toledo (no Largo da Matriz), ocorre desta vez com uma análise de possibilidades voltadas para os calçadões do centro histórico. Aberta aos interessados, as oficinas do projeto Urbanismo Caminhável ocorrem com foco no estudo na sexta-feira (24), a partir das 15h, e no sábado (25), com a parte prática a partir das 10h.

LEIA TAMBÉM
Oficina de marcenaria urbana movimenta o Centro
Prefeitura em Ação abre primeiro ‘parklet’ da cidade
De olhos vendados, estudantes testam ‘sentidos’ no centro histórico

Na praça, o mobiliário urbano mostrou que estimula o convívio e o descanso

Na praça, o mobiliário urbano mostrou que estimula o convívio e o descanso

Uma boa amostra de produtos surgidos nesse tipo de atividade está sendo visto na própria praça, perto do contêiner-oficina, onde o aumento de mesas e bancos já elevou também o número de rodas de conversa e até de iniciativas como o uso para jogos de tabuleiro.

Coordenado pela Secretaria de Planejamento e Meio Ambiente e viabilizado por uma contrapartida privada de Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV), adotado na atual gestão da Prefeitura de Jundiaí, o projeto segue com experiências participativas até agosto. O foco é a chamada “caminhabilidade” no centro histórico para que testes aprovados sejam depois replicados em bairros.

Atividades com estudantes também ganharam estímulo com as mesas

Atividades com estudantes também ganharam estímulo com as mesas

Mas as circunstâncias do mobiliário urbano para uma praça são diferentes daquelas voltadas para um calçadão. Em Jundiaí, o pioneiro calçadão, criado pela Prefeitura na década de 1970, também gerou polêmicas e atualmente ocupa um trecho da rua Barão de Jundiaí (entre a praça Marechal Floriano Peixoto e Siqueira de Moraes) e também da rua Coronel Leme da Fonseca (entre as ruas Barão de Jundiaí e Rosário), abertos para circulação de veículos no período noturno. E também a rua São José, neste caso reservado exclusivamente para pedestres.

A tarde de sexta-feira (24) será voltada para o estudo e debate sobre os tipos de mobiliário e locais em que podem ser implantados para melhorar o conforto dos pedestres nesses lugares. E a manhã de sábado (25) será dia para colocar a “mão na massa”, com apoio de orientadores, furadeiras, serras e parafusadeiras, além de pranchas de madeira de pinus autoclavado.

José Arnaldo de Oliveira
Fotos: Fotógrafos PMJ


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2015/07/21/marcenaria-urbana-tem-nova-oficina-nesta-semana/

Galeria

Baixe as fotos desta notícia na resolução original