Gabinete de Gestão de Riscos faz reunião para ajustar estratégias

Publicada em 18/01/2016 às 15:53

O Gabinete de Gestão de Riscos se reuniu, na manhã desta segunda-feira (18), na Sala de Situação do 7º andar do Paço Municipal, para traçar estratégias de ação em situações de emergência e que exijam a participação de todas as secretarias envolvidas na proposta integrada criada para dar resposta rápida e efetiva em casos de enchentes e outras adversidades climáticas.

“Aproveitamos a trégua que a chuva nos deu para avaliarmos os pontos positivos do trabalho cooperativo realizado na semana passada e fazer alguns ajustes. De uma maneira geral, conseguimos atender a demanda o mais rápido possível e amenizar os prejuízos. É claro que a tempestade da sexta-feira (8) foi atípica, com 120 milímetros em apenas 30 minutos, mas mesmo assim a cidade suportou muito se compararmos com outras localidades”, comenta o coordenador do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), José Carlos Pires.

LEIA TAMBÉM
Prefeito visita áreas atingidas pela chuva na cidade
GGIM prestigia aniversário do 11º Batalhão da Polícia Militar
GGIM e Rota das Bandeiras estudam integração no monitoramento

Encontro do Gabinete de Gestão de Riscos tem a chuva como principal ponto de discussão

Encontro do Gabinete de Gestão de Riscos tem a chuva como principal ponto de discussão

Pires reconhece que o período de chuvas está só início e, alertado por organizações internacionais, como a Organização das Nações Unidas (ONU) e a Administração Nacional do Espaço e da Aeronáutica (Nasa), sobre o severo fenômeno El Niño, que se formou no final do ano sobre o oceano e que traz a previsão de precipitações intensas, a palavra de ordem no Gabinete de Gestão de Riscos é afinar o elo entre as secretarias.

No encontro desta segunda-feira (18) estiveram presentes o secretário de Serviços Públicos, Aguinaldo Leite; o coordenador da Defesa Civil, coronel Eduardo Luís Carbonari, além de diretores e representantes das secretarias de Transportes, Esportes e Lazer, Educação, Comunicação Social, Saúde e Assistência Social (Semads), de órgãos, como Fumas, Defesa Civil, Guarda Municipal e Dae. O Corpo de Bombeiros também esteve representado na reunião.

O secretário Aguinaldo Leite considera que o empenho do conjunto de divisões que atuam unidas foi importante para que o impacto da chuva da semana passada fosse amenizado, mas prevê que há muito trabalho pela frente.

“Temos de estar preparados porque sabemos que chuva como a de sexta-feira (8) pode se repetir. Temos de manter e até ampliar nossos esforços para atenuar os impactos”, comenta.

O Gabinete de Gestão de Riscos se mantém em alerta 24 horas e a aproximação de chuvas é monitorada pelos radares na sede da Defesa Civil. Em uma semana foram atendidas 80 ocorrências pelas equipes integradas, como alagamentos, quedas de muros, árvores e deslizamentos de terras. Vinte e três famílias tiveram que ser removidas de áreas de risco, de acordo com o balanço.

De acordo com a Defesa Civil, choveu em 17 dias, em Jundiaí, 1.217,77 milímetros, marca superior ao mês de janeiro do ano passado, que registrou 1.073,45 milímetros nos 31 dias.

Ivan Lopes
Foto: Cleber de Almeida


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2016/01/18/gabinete-de-gestao-de-riscos-faz-reuniao-para-ajustar-estrategias/