Em observância ao período eleitoral, este canal mantém estático conteúdos anteriores à data 15/08, sendo atualizado somente por matérias relacionadas ao combate à Covid-19, ou de urgência social.

Serviço Família Acolhedora realiza capacitação

Publicada em 23/07/2015 às 12:40

O Serviço de Acolhimento em Família Acolhedora, coordenado pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (Semads), realiza neste sábado (25) e em 8 de agosto uma capacitação para famílias interessadas no serviço. A atividade será no Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) Centro, das 9h às 12h.

Segundo a coordenadora do serviço, Cristiane Vieira Gozzo, a inscrição para participação no serviço é permanente e as capacitações acontecem periodicamente. “Existe sempre a necessidade de novas inscrições, afinal, as famílias acolhedoras são nossas parceiras; sem elas não existe o serviço”, explica.

FAÇA SUA INSCRIÇÃO

LEIA TAMBÉM
Coordenadoria do Idoso faz palestras no Cras Tamoio
Semads abre novas vagas para adolescentes em programa
Semads prepara 10ª Conferência Municipal de Assistência Social

O serviço auxilia crianças ou adolescentes afastados da família por medida de proteção, que ficam com uma família acolhedora até que seja possível o retorno aos pais (família de origem) ou tios e avós (família extensa). Na impossibilidade de ambos, o desfecho é a adoção.

Capacitações para famílias interessadas no serviço estão marcadas para 25 de julho e 8 de agosto

Capacitações para famílias interessadas no serviço estão marcadas para 25 de julho e 8 de agosto

Na formação, que terá presença de todos os membros das famílias, inclusive as crianças e adolescentes, os técnicos vão explicar o que é o serviço; os direitos das crianças e adolescentes; o papel do acolhedor; os aspectos do desenvolvimento infantil; e as questões sobre vínculo com a família.

Para participar do Serviço de Acolhimento em Família Acolhedora é preciso ter idade mínima de 21 anos e morar em Jundiaí; não possuir antecedentes criminais; não ter interesse em adoção e não apresentar problemas psiquiátricos ou dependência de substâncias psicoativas.

Os interessados que cumprirem todos os requisitos devem preencher a ficha de inscrição e aguardar contato da equipe do serviço. Todos os interessados passam por entrevistas e formação. Vale lembrar que é importante que todos os integrantes da família estejam de acordo com o acolhimento.

O serviço funciona junto ao Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas), na rua Marechal Deodoro da Fonseca, 504, Centro. O horário de atendimento é das 8h às 12h e das 13h às 17h. Mais informações pelos telefones (11) 4583-7301 ou 4583-7315. O e-mail é o familia.acolhedora@jundiai.sp.gov.br.

Assessoria de Imprensa


Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2015/07/23/servico-familia-acolhedora-realiza-capacitacao/

Galeria

Baixe as fotos desta notícia na resolução original